Reunião de Pauta, com Angelo Coronel, no gabinete dele

O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia faz balanço de 180 dias no cargo, comenta eleições de 2018 e sugere que o líder do partido dele, o senador Otto Alencar (PSD), tenha candidatura própria ao governo. Ângelo Coronel criticou militantes do PT pela “ovada” ao prefeito de São Paulo, João Dória, na frente da Câmara Municipal de Salvador. Ele também falou sobre a amizade com ACM Neto, de quem recebeu ajuda para ganhar a eleição na Assembleia.

Você pode gostar...